quarta-feira, 12 de setembro de 2007

Transporte Ativo


Já vimos que na difusão e na osmose, por processos puramente físicos, as moléculas tendem a se deslocar do local de sua maior concentração para a região de menor concentração.


Contudo o inverso também pode ocorrer em células vivas. Isto é evidentemente contrário à tendência natural da difusão, e para poder ocorrer, necessita de um gasto de energia: é o transporte ativo.

Quando analisamos o conteúdo de uma hemácia, encontramos nela concentrações de íons de sódio (Na+) muito menor do que a concentração de sódio no plasma (solução aquosa do sangue). Ora, se raciocinarmos em termos de difusão deveria entrar na célula até que as concentrações fora e dentro se igualassem.

No entanto, isto não ocorre, enquanto a hemácia estiver viva, sua concentração interna de Na+ é baixa.


A explicação para este fenômeno é a seguinte:
Na realidade está ocorrendo difusão e íons de Na+ estão continuamente penetrando na célula.


Porém ao mesmo tempo a membrana está expulsando íons Na+ da célula, sem parar. Esta expulsão se faz por transporte ativo. Desta forma, a concentração interna de Na+ continua baixa, porém, às custas de um trabalho constante por parte da célula.

Já a situação do íon potássio (K+) na hemácia é inversa: encontramos sempre na célula concentração de potássio (K+) muito superior à do plasma.

O K+, por difusão, tende a "fugir" da célula, porém a membrana o reabsorve constantemente. Ou seja, a membrana "força" a passagem do K+ de um local de menor concentração (plasma), para o de maior concentração gastando energia no processo.

Apesar dos íons Na+ e K+ terem aproximadamente o mesmo tamanho, e, portanto igual difusibilidade percebemos que a membrana plasmática se comporta de maneira totalmente diferente em relação a cada um deles. Aqui se pode falar, sem dúvida, em permeabilidade seletiva.

Muitas são as situações em que se verifica o transporte ativo. Certas algas marinhas concentram o iodo em porcentagem centenas de vezes maior do que existe na água do mar; as células da tireóide retiram o iodo do sangue por transporte ativo.

xxx...xxx

11 comentários:

Rodrigo disse...

o Jerry dá uma olhada nesse vídeo aí:http://youtube.com/watch?v=Nmm6Pgh6Kl4

Rodrigo disse...

outro ai para quem interessar:
http://youtube.com/watch?v=6Rd2bEp380w

Rodrigo disse...

olhem uma fagocitose:
http://youtube.com/watch?v=fCVTjFYGX3o

Rodrigo disse...

nossa esse aqui é muito legal:
http://www.youtube.com/watch?v=fpOxgAU5fFQ

Anônimo disse...

aoo jerryy
valeuu pelosss textoss pra ajudaa agentee na prova
guilherme prereira
1ºbetta

Lukass disse...

aoo jerry
nun deu preu ir na aula
mais to estudanu pelos texto daki
vlw
t +

Thales disse...

E ae jerry!!
bom d+ a aula hj a tarde em!!
gostei do vidio das sintese proteica!!
muito legal..posta aqueles vidios dps hein??
abraçooo

Thales disse...

Ihhh...rodrigooo os link do youtube nao tao dando certo aqui naoooo....
arruma isso ai


t+

andrei disse...

iiiii jerry vlw pela ajuda....
abraçoooo

liliana 1ºalfa disse...

passei por aqui!!!

Anônimo disse...

oi jerry....
eh a isabela....
bjo
:]

Free Web Counters
thrifty car rental discount coupons